Visitas: 52887657 - Online: 121

Quinta-Feira, 21 de Setembro de 2017

Ultrasonografia
LEO





30/04/2013 11:31:53
      
Atriz da Rede Globo visita suposta sogra internada em hospital de Rondônia

Uma visita de Deborah Secco ao Hospital Central de Porto Velho, no último fim de semana, virou notícia na imprensa local. E não foi apenas porque uma atriz global visitava a capital de Rondônia. Quem estava internada lá era a mãe do músico Allyson Castro, apontado na cidade como o novo affair da recém-separada atriz (no começo do mês, foi anunciada sua separação do ex-jogador Roger Flores). Deborah chegou a sair para conhecer a noite de Porto Velho, no domingo, e foi fotografada por um fã (foto ao lado).
Nascido em Rondônia, onde é razoavelmente conhecido, Allyson, de 33 anos, vive no Rio há 13. É vizinho de Deborah Secco no bairro onde a atriz mora, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste. Em 2011, o músico lançou um CD de músicas religiosas, "Corações ao alto". Allyson já atuou também no musical "O Rei Leão".
Procurado pela coluna “Retratos da Vida”, do jornal Extra, do Rio, Allyson disse que conheceu Deborah Secco há 13 anos, durante um trabalho que os dois fizeram juntos no teatro. Os dois também frequentam a mesma igreja no Rio. O cantor confirmou que Deborah esteve em Porto Velho visitando a sua mãe, que está internada há mais de 15 dias no hospital com auneurisma. Mas garantiu que não existe nada entre eles além de uma grande amizade. Questionado se poderia vir a ter um romance com a atriz, o cantor preferiu deixar a dúvida no ar:
"Tenho um carinho muito grande pela Deborah, e ela por mim. Ela esteve em Porto Velho visitando a minha mãe, sim. E sabe como é cidade pequena, né? Todo mundo fala. Mas não temos nada. Nessa fase complicada que ambos estão passando (ela, pela separação, e ele, pela doença da mãe), não temos cabeça para pensar em mais nada. Até agora está difícil pensarmos sobre isso. Mas o futuro ninguém sabe, né?", declarou Allyson.
No começo deste mês, ele subiu ao palco do Ribalta para lançar seu mais novo disco, com composições religiosas de Elvis Presley. "Percebo as mulheres mais retraídas por eu cantar em igrejas, por exemplo. Acredito que, por me verem nesse ambiente, elas me tratam como se eu fosse um padre", disse ele em entrevista ao site do Extra, no dia 1 deste mês.
A assessoria de Deborah Secco disse que não comenta sobre a vida pessoal da atriz.



Fonte: Jornal Extra
Autor: Da redação


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Quinta-Feira, 21 de Setembro de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871