Visitas: 45704702 - Online: 117

Segunda-Feira, 29 de Maio de 2017

Ultrasonografia
BIOCAL





02/06/2014 17:17:40
      
Dezenas de aprovados no concurso da prefeitura desistem de assumir cargos

Ao contrário do que foi divulgado na semana passada, é bem menor o número de concursados da Prefeitura de Vilhena que perderam direito a ingressar no quadro funcional do município. Na verdade, na sexta-feira, 23, vencia o prazo para apresentação de documentos dos interessados, e não da posse dos servidores, que ainda têm prazo de cerca de três semanas para regularizar a situação.
E, em determinadas situações, com justificativa plausível, o aprovado no concurso pode tentar requerer outros trinta dias para se apresentar. As explicações foram dadas AO FOLHA DO SUL ON LINE pelo secretário municipal de Administração, Pastor Antonio Manoel, e pela gerente pedagógica da Secretaria Municipal de Educação, Iara Aparecida Verdi de Assis.
Assim, ao invés de dezenas de concursados supostamente terem perdido seu direito ao emprego no município, na verdade o número é inferior a 50 pessoas que optaram por não serem contratadas. Na verdade, entre os 240 convocados no edital lançado para comparecer à Semad, a fim de providenciar a documentação necessária para confirmar os empregos, sendo 168 professores, 64 já estão lotados e trabalhando.
 Os demais têm pré-agendamento definido para este mês. Depois disso, haverá levantamento da demanda existente, e outras convocações serão efetuadas. Em virtude dos prazos regimentais, estes profissionais só devem assumir após o recesso de julho, começando a trabalhar em agosto. Tal situação pode complicar o final do semestre na rede municipal, em virtude do vencimento de contratos emergenciais em vigor, conforme foi assumido pelo Secretário de Educação dias atrás, mas Edmar Santos Pereira, titular da pasta, declarou que podem ser feita mais uma contratação emergencial nos próximos dias para não comprometer o calendário escolar.
Outro esclarecimento que deve ser feito é a definição dos papéis das duas secretarias nas contratações e posse dos concursados. Na verdade a Secretaria de Administração é responsável pela primeira fase do processo e posse do contratado. Só então ele é encaminhado a Semed, onde Iara Verdi define o local de lotação do contratado, após pré-entrevista, para aferir o perfil do profissional e destiná-lo ao pré-escola ou ensino fundamental.



Fonte: FS
Autor: Da redação


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Segunda-Feira, 29 de Maio de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871