Visitas: 56553678 - Online: 137

Sábado, 18 de Novembro de 2017

CLARETIANO
LEO





24/10/2014 16:48:59
      
Alunos de escola vilhenense criam partidos políticos e aprendem sobre democracia

Neste final de semana o Brasil país enfrentará a segunda etapa de um processo eleitoral que, apesar de bastante polêmico e acalorado, cumpre com o objetivo de consolidar os ideais democráticos sem os quais uma nação não pode prosperar. Todo processo eleitoral é sempre uma discussão sobre o Brasil que se tem e o Brasil que se quer. É também uma reflexão a respeito dos direitos do cidadão e deveres do Estado.

Dentro desta perspectiva ideológica, a escola pode ser um espaço que aproxima a criança do conceito de democracia e dá noção da construção de uma identidade nacional, colocando em prática projetos pedagógicos, como as Eleições Escolares promovida pela Coopevi, em outubro desse ano.
“O momento de eleições no país favorece bastante o trabalho com questões ligadas à cidadania, à democracia e à responsabilidade social”, explica a professora Sylvia Coutinho Barbosa, que conduziu com suas duas turmas do 4º. ano do ensino fundamental esse projeto proposto pelo Sistema COC de Ensino, que prevê a criação de partidos, desenvolvimento de campanha, estudo e apresentação de propostas, confecção do material de campanha, e votação.
“Surgiram temas muito interessantes relacionados ao próprio universo deles, como reciclagem, economia de energia e de água, limpeza, organização de sala de aula, biblioteca entre outros”, explica a professora, contando que foram formados três partidos: o PS, Partido da Sustentabilidade, PAE, Partido dos Ajudantes da Escola e o PRS, Partido da Responsabilidade Social.
 “É também uma ótima oportunidade de ensinar a criança a debater, avaliar, criticar e questionar a realidade”, conclui a professora.
De acordo com a diretora pedagógica Miraci Alves Dantas, o principal objetivo é fazer com que a criança compreenda o conceito de cidadania, exercitando-o em sua própria sala de aula e na escola. "Representando os seus colegas e sendo representadas por eles, as crianças percebem que os políticostem uma função social delegada a eles, e que devem exercê-la em favor daqueles que o elegeram", explica a diretora, completando: “Compreender a importância dos compromissos assumidos em uma eleição pelos candidatos aos diversos cargos em disputa também faz parte da aprendizagem desse projeto”.



Fonte: FS
Autor: Assessoria


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Sábado, 18 de Novembro de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871