Visitas: 52930627 - Online: 205

Quinta-Feira, 21 de Setembro de 2017

Ultrasonografia
LEO





13/03/2016 12:47:48
      
No Cone Sul, Vilhena e Cerejeiras foram às ruas protestar contra corrupção

Em nenhum dos atos foi registrado qualquer incidente

Em Vilhena, centenas de pessoas foram às ruas na manhã deste domingo, m protesto contra a corrupção. O ato não registrou incidentes e não teve foco em figuras públicas específicas.
Trajando roupas com as cores da bandeira, os manifestantes atravessaram a cidade, da praça Nossa Senhora Aparecida, chegando à Praça dos Três poderes, ao lado da prefeitura.
Um dos manifestantes, o advogado João Paulo das Virgens, que também presidente a Academia Brasileira de Letras, apresentou uma proposta da entidade, que prevê a redução do repasse feito à Câmara de Vereadores. A sugestão é para que o montante de 7% caia para 4% 
Já em Cerejeiras cidadãos também fizerem manifestação pública contra a corrupção na manhã deste domingo, 13. Com saída às 8h00 da manhã na Praça dos Pioneiros, na principal avenida da cidade, manifestantes, empunhando bandeiras, faixas e cartazes, caminharam até à Praça da Bíblia.
O ato contou com cerca de 200 pessoas, segundo estimativas dos organizadores. Num município pequeno como Cerejeiras, com 12 mil eleitores, essas 200 pessoas já representam 2 por cento do eleitorado. Não é um número muito grande, mas também não de todo insignificativo, já que 1 por cento de assinaturas do eleitorado pode propor mudanças na Constituição.
Segundo os cartazes dos manifestantes, o ato não era contra qualquer partido ou qualquer personalidade política. De fato, nenhuma foto de qualquer político brasileiro foi visto no protesto – nem mesmo uma menção por escrito ou no alto falante.
Quase nenhuma autoridade política local estava presente no evento. A única exceção ficou por conta do prefeito Airton Gomes (PP), que participou de toda a caminhada e ainda fez um breve pronunciamento no ato.
Um artista local, Joselito da Viola, tocou o Hino Nacional no instrumento. Pastores discursaram no evento e um deles fez uma oração encerrando o ato.
A manifestação deste final de semana em Cerejeiras foi organizada por diversos voluntários e várias organizações do município. O ato terminou por volta das 10h00. Nenhum incidente inesperado foi registrado no evento, que foi todo pacífico.



Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Quinta-Feira, 21 de Setembro de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871