Visitas: 56556265 - Online: 122

Sábado, 18 de Novembro de 2017

CLARETIANO
LEO





05/08/2016 14:32:30
      
Colorado: IFRO inova e lança aplicativos de celular e um deles identifica pragas

Aplicativo de judô também foi lançado pelo instituto

O campus de Colorado do Oeste do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO) tem cerca de 1.300 alunos, sendo mais de 200 deles residentes na instituição. A entidade oferece cursos no nível técnico, integrado e subsequente ao ensino médio, voltados à agropecuária e produção de alimentos. Também oferta graduações, como Engenharia Agronômica e Licenciatura em Ciências Biológicas, além de Tecnologia em Gestão Ambiental. A instituição já ofereceu uma turma de pós-graduação em Georeferenciamento e está pleiteando um curso de mestrado para internos, ou seja, beneficiando estudantes que moram no campus. 

A instituição federal oferece cursos no nível médio com disciplinas de assuntos agrários inclusos, e graduação em Agronomia e Biologia. De vez em quando, o IFRO de Colorado oferece também cursos de pós-graduação. A instituição está pleiteando cursos de mestrado e doutorados na área de agricultura. O campus coloradense do instituto também oferece opções na modalidade à distância e cursos do Programa Nacional de Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

Em Colorado, o IFRO propriamente dito foi criado em 29 de dezembro de 2008. Antes, havia no município a Escola Agrotécnica Federal, na época conhecida como Escola Agrícola. Essa entidade se fundiu à Escola Técnica Federal de Rondônia, sendo que a união das duas entidades instituições resultou no campus IFRO no município.

Mas o que pouca gente sabe, é que o campus do IFRO em Colorado inova na tecnologia. Em trabalho conjunto entre professores e alunos, o instituto já lançou, por exemplo, dois aplicativos de celular.

Num dos aplicativos, que ganhou prêmio em segunda colocação na Amostra Tecnológica do Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação (Connepi), em 2015, é possível identificar pragas no milho e na soja, por exemplo, através do celular. O dispositivo atraiu a atenção de empresas privadas no ramo de tecnologia, que se interessaram em comercializar a invenção.

Já o outro aplicativo, também desenvolvido no campus do IFRO em Colorado, permite uma gestão de pontuações no judô, assemelhando-se com as tecnologias de competições profissionais do esporte. Esse aplicativo foi desenvolvido e apresentado em fevereiro deste ano.



Fonte: Folha do Sul
Autor: Rildo Costa


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Sábado, 18 de Novembro de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871