Visitas: 57883799 - Online: 112

Terça-Feira, 12 de Dezembro de 2017

CLARETIANO
JAURU






14/11/2016 15:28:24
      
Alunos do Senai de Vilhena conquistam vitória inédita na Olimpíada do conhecimento em Brasília

Projeto “Casa Inteligente” também foi apresentado no evento 

Alunos olímpicos da escola Senai Vilhena conquistaram três medalhas de ouro nas provas individuais e ainda participaram da competição do Senai Inova, com o projeto de casa inteligente, no desafio por equipe. Carregando com orgulho a bandeira de Rondônia, eles representaram o Estado na edição 2016 da “Olimpíada do Conhecimento”, e subiram ao primeiro lugar do pódio para receber as merecidas medalhas de ouro. 

Com entusiasmo e determinação, os jovens Wesley Monteiro (Hidráulica), Gabriel Gomes (Movelaria) e Abmael Catai (Alvenaria), unindo conhecimento e técnica superaram os desafios da Olimpíada que, em novo formato reuniu 1200 estudantes em uma estrutura montada ao lado do ginásio Nilson Nelson, em Brasília. Além da competição principal, que contemplou sete desafios multidisciplinares, houve outras provas: desafios individuais, Avaliação Prática do Estudante, Inova Senai e o Festival Sesi de Robótica FLL.

Gabriel ganhou medalha de ouro no segmento de Movelaria. Ele teve que montar um balcão de chapa de MDF. Wesley ganhou no segmento de instalações hidráulicas. Ele montou e fez funcionar o encanamento de um chuveiro. Já Abmael venceu na área de alvenaria construindo uma churrasqueira com tijolos ecológicos. 
 
A competição contou com novos desafios envolvendo muita criatividade. Durante os quatro dias de torneio (10 a 13 de novembro), os estudantes foram provocados a apresentar soluções e produtos para empresas e para a comunidade, além de participar de provas individuais que exigiram precisão e raciocínio rápido.
 
Em nome dos demais colegas, o medalhista de ouro Wesley Monteiro, do Senai Vilhena, destacou a Olimpíada como fundamental por agregar ideias e conhecimentos, principalmente no que se refere às novas tecnologias. “Tudo agrega e contribui para o crescimento profissional. Para os jovens, a mensagem que quero deixar é que escolham sua profissão cedo, recomendo que escolha uma ocupação com a qual se identifique e se dedique para tirar o melhor de você. Estudem, façam cursos, se capacitem, se dediquem, e para vencer, cada um precisa ser o melhor”, argumentou. 
 
O aluno não poupou elogios à equipe e contou que como competidores trabalharam com afinco, um ajudando ao outro. Todos dando o seu melhor. A preparação junto aos professores foi excelente e isso refletiu nos resultados. “Este evento é grandioso e todos os alunos deveriam participar de uma Olimpíada e ter esta experiência inesquecível de conhecer pessoas de outros estados, conhecer coisas novas, fazer amizades. A expectativa era levar o ouro para Rondônia. Conseguimos nas provas individuais. Por pouco não conseguimos vitória em outras modalidades. Alcançamos a meta e representamos bem o Senai e Rondônia”, disse. 
 
O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (Fiero), Marcelo Thomé comparou os jovens heróis rondonienses aos gladiadores da Roma antiga. “Aqueles guerreiros se confrontavam nas areias do Coliseu e eram chamados gladiadores. Passados tantos séculos, a tradição dos confrontos continua, porém as regras e modalidades mudaram. Os gladiadores modernos lutam no terreno do conhecimento, da técnica, da inovação e das tecnologias de ponta. A arena também mudou. Agora eles enfrentam os desafios na Olimpíada do Conhecimento, a maior competição de educação profissional das Américas”, ressaltou. 
 
Ainda conforme Thomé, todo aprendizado de habilidades técnicas e sociais que os alunos conquistam nas escolas são colocadas à prova na Olimpíada. “Essa é a melhor experiência e a perfeita oportunidade para esses estudantes que estão apenas iniciando a carreira profissional. Estas conquistas são importantes e motivo de orgulho para os alunos, equipe, diretores, conselheiros, para a Fiero, para os familiares dos competidores e claro, para Rondônia”, afirmou. 
 
Para o diretor regional do Senai-RO, Valério Duarte “foi muito bom ver o desempenho e conquista dos nossos jovens de Rondônia. Isso demonstra capacidade, aprendizado técnico de qualidade. O resultado dessas conquistas será com certeza o seu ingresso no mercado de trabalho com maior, competência, habilidades e atitudes aprendizados dentro do Senai”, falou. Valério acrescenta que o resultado do esforço e da confiança desses jovens alunos rondonienses, fez a diferença ao competir com alunos dos demais estados, como Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Distrito Federal, dentre outros.
 
O coordenador da escola Senai de Vilhena, Silvio Leite destacou o clima de otimismo e entusiasmo dos alunos olímpicos e toda a equipe. “Antes mesmo da primeira medalha de ouro”, conta, “eles estavam animados e confiantes, principalmente pela visitação à casa do projeto, considerada a mais bonita, e com todos estes ingredientes, depois da primeira medalha, a confiança, o entusiasmo e a animação foram às alturas. Isso foi positivo para todos”, destacou.
 
A delegada técnica, Maria do Carmo Goes disse que os alunos são heróis, verdadeiros gladiadores modernos. “Apesar de nenhuma experiência, pois esta foi a primeira vez que a escola de Vilhena participou de uma Olimpíada do Conhecimento, com dedicação e conhecimento, eles superaram os obstáculos. Para eles e todos da equipe vão todos os elogios”, exultou. 
 
Maria citou o empenho do coordenador do Senai Vilhena, Silvio Leite, do professor Júlio Fabiano, da chefe de equipe Jakeline Campos, coordenadora pedagógica da escola. 
 
Segundo ainda a delegada, participar de uma OC não é atividade fácil. Requer trabalho, dedicação. “Estamos orgulhosos dos três alunos e para eles os aplausos de toda a equipe. Foram cinco desafios individuais e Rondônia estava entre os seis melhores estados. E destes desafios conseguimos conquistar três medalhas de ouro, conquista inédita e histórica para o Senai e para Rondônia. Agradecimentos especiais para o diretor regional Valério Duarte, pela confiança e por estar com a equipe em tempo integral e sempre enviando elogios e incentivando a todos. Indo para assistir os desafios e torcendo. Esta atitude foi importante, pois os alunos se sentiam orgulhosos por este incentivo”, finalizou Maria.



Fonte: Fiero
Autor: Carlos Araújo


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Terça-Feira, 12 de Dezembro de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871