Visitas: 39171531 - Online: 122

Sexta-Feira, 20 de Janeiro de 2017

CLARETIANO
BIOCAL





10/12/2016 11:49:14
      
Conselho nega que alimentos estragados tenham sido servidos a alunos em Vilhena

Órgão fiscalizador se manifestou através de nota oficial


Diante de reportagens publicadas nos veículos de comunicação de Vilhena, denunciando o fornecimento de alimentos estragados para o preparado da merenda em escolas da prefeitura, o Conselho Municipal de Alimentação Escolar resolveu se manifestar sobre o assunto.

Em nota enviada à imprensa, através da Secretaria Municipal de Comunicação, a presidente do CAE, Eliane Marcelino, fez os seguintes esclarecimentos: 

O Conselho é formado por servidores efetivos, sendo: diretores, professores e merendeiras. Cada escola tem uma comissão que recebe os alimentos, os quais são todos devidamente inspecionados antes de serem armazenados ou irem para a cozinha. Portanto, o Conselho Municipal de Alimentação Escolar pode afirmar que em nenhum momento permitiu que alimentos com indícios de má qualidade fossem servidos aos alunos.

 É importante ressaltar que, embora existam empresas irresponsáveis, que prestam um desserviço à sociedade, como é o caso desta, que entregava a carne, nós do (CAE) sempre fizemos esta empresa substituir alimentos quando percebíamos qualquer possibilidade de estranheza e também notificamos de forma escrita os órgãos fiscalizadores e denunciamos. Tudo está devidamente comprovado através de notificações anexadas nos processos. Emitimos relatórios periódicos não só com relação a alimentos, mas também sobre condições de servidores e estruturas das cozinhas e lugares de alimentação dos alunos.   

Mesmo nos momentos mais difíceis, a nutricionista Luciane Dalazem, da Secretaria de Educação (Semed) não permitiu que fossem servidos aos alunos alimentos que pudessem causar danos à saúde, sempre acompanhando de perto os cardápios no dia a dia. Hoje estamos com armazenamento suficiente e de ótima qualidade, para encerramento do ano letivo. Aos pais ou responsáveis por alunos da rede municipal de educação, podemos garantir que jamais seu filho ingeriu alimentos de má qualidade. Não podemos permitir que responsabilizem nossos servidores pelo mau caráter de alguns.



Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação


teste









Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Sexta-Feira, 20 de Janeiro de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871