Visitas: 50458949 - Online: 141

Sexta-Feira, 18 de Agosto de 2017

Ultrasonografia
LEILÃO JUDICIAL





13/02/2017 11:24:06
      
Em Cerejeiras, “taxa do lixo” começa a ser cobrada; prefeito explica, mas enfrenta críticas

Airton Gomes deu entrevista em rádio sobre a cobrança


Durante todo o mês de fevereiro, a população de Cerejeiras está recebendo a já prevista “taxa do lixo”. Os boletos, com três valores diferentes, estão sendo entregues nos endereços residenciais e comerciais da área urbana do município. O setor chacareiro e a zona rural não serão tributados.

O tributo tem causado revolta entre alguns populares. A taxa, que vai de R$ 11,00 a R$ 28,00 mensais, tem sido considerada alta por alguns moradores, especialmente aqueles que se declaram como sendo de baixa renda.

Numa entrevista à rádio Líder FM, na manhã desta segunda, 13, o prefeito de Cerejeiras, Airton Gomes (PP), respondeu às variadas perguntas dos radialistas Ivan Mendes e José William sobre o assunto. Os locutores, demonstrando competência jornalística, fizeram as perguntas mais cruciais que envolvem o assunto.

Aos comunicadores, Airton Gomes explicou que a “taxa do lixo” está sendo cobrada em cima de uma lei federal de 2010. “Esse tributo está sendo cobrado agora com base na Lei 12.305, de 2010, conhecida como lei de resíduos sólidos, que diz claramente que uma taxa deve ser criada em cima do serviço de coleta e destinação do lixo. Também foi votada uma decisão na Câmara de Vereadores de Cerejeiras em 2010, que aprovou a cobrança da taxa no município”, disse o prefeito cerejeirense.

O mandatário disse ainda que desde o ano passado o poder público municipal cerejeirense tem dado destinação diferente ao lixo urbano. “Fechamos o lixão de Cerejeiras no dia 1º de setembro de 2016. A partir desta data estamos enviando o lixo para o aterro sanitário de Vilhena. Para isso, pagamos uma carreta que vem buscar o lixo em Cerejeiras três vezes por semana, a um preço de R$ 132,00 a tonelada, e ainda não está conseguindo levar tudo. Além disso, pagamos o aluguel do aterro em Vilhena, que é o custo da destinação final”, explicou.
Questionado pelos radialistas sobre os valores da taxa, considerados altos por parte da população, Airton Gomes afirmou que o cálculo dos boletos foi feito em cima da lei, considerando o tamanho dos imóveis. “Dependendo do tamanho da residência, por metro quadrado, é que a taxa foi calculada. E também calculamos o custo da coleta, destinação do lixo”, disse.

Airton Gomes explicou, na entrevista, que o custo de recolher, processar o lixo e levá-lo para Vilhena será de R$ 1.275.000,00 em 2017. “Estamos distribuindo 5.300 boletos da taxa em Cerejeiras. Se todos pagarem – e nem todos vão pagar, sempre há inadimplência – então teríamos um valor de R$ 1,3 milhão”, disse o prefeito.

O mandatário cerejeirense explicou ainda que o valor da UPF (Unidade Padrão Fiscal) quando a lei foi criada, em 2010, era de R$ 40,12. E hoje, segundo o prefeito, está em R$ 61,71. “Esse novo valor da UPF, que é o governo federal que determina, também ajuda a elevar o valor da taxa”, disse Airton Gomes.

Ainda sobre os valores, o mandatário cerejeirense disse que, caso a arrecadação da taxa ultrapasse a despesa, então ele irá rever o valor para o próximo ano. “Mas eu não posso fazer renúncia de receita. Se a população não contribuir com essa taxa, então teremos que tirar dinheiro da Saúde e da Educação. E isso eu não posso fazer”, disse.

Por fim, o prefeito de Cerejeiras disse que não existe uma alternativa a não ser cobrar a taxa do lixo. Mas, segundo ele, existe uma forma a mais de a população colaborar. “Vamos separar mais o lixo reciclado, pois temos uma coleta seletiva em Cerejeiras, com o trabalho dos catadores. Assim, vamos diminuindo o volume do lixo a ser enviado para o aterro sanitário de Vilhena. E também não vamos jogar a grama cortada de jardim no lixo. Grama dá muito volume e encarece o transporte. A grama pode ser jogada num buraco no quintal, pois ela se transforma em adubo orgânico, sendo inclusive benéfica para o solo”, encerrou.




Fonte: Folha do Sul
Autor: Rildo Costa


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Sexta-Feira, 18 de Agosto de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871