Visitas: 40649709 - Online: 115

Terça-Feira, 21 de Fevereiro de 2017

CLARETIANO
BIOCAL






16/02/2017 11:24:50
      
Leia decisão: homem que matou a própria mãe a facadas em Vilhena não irá a júri popular

Laudos médicos comprovaram inimputabilidade do acusado

Autor de um crime que chocou Vilhena no ano passado, o construtor Ivo Royer, 49 anos, foi considerado inimputável e, portanto, não deve ser julgado pelo assassinato da própria mãe. A decisão judicial foi amparada por laudos psiquiátricos.

De acordo com a juíza Liliane Pegoraro Bilharva, da 1ª Vara Criminal de Vilhena, o acusado não tinha ciência de seus atos, ao matar a facadas a idosa Margarida Royer, 72, com quem ele morava. O crime aconteceu no dia 07 de agosto (uma tarde de domingo) do ano passado. Antes de esfaquear a mãe, Ivo matou os quatro cachorros que viviam na casa.

Na DPC, para onde foi levado, o homicida confesso tentou explicar, com visíveis sinais de insanidade, o motivo do crime: teria agido para poupar a mãe de um sofrimento maior. Assista aqui.

Ao invés de responder pelo ato praticado, o construtor deverá ser mantido em hospital psiquiátrico, onde se submeterá a tratamento. O defensor público George Barreto Filho foi nomeado curador do acusado. Leia a sentença da juíza vilhenense clicando aqui.



Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Terça-Feira, 21 de Fevereiro de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871