Visitas: 52694617 - Online: 149

Terça-Feira, 19 de Setembro de 2017

Ultrasonografia
LEO





17/03/2017 16:13:26
      
Prefeitura interdita rua, mas cratera continua ameaçando “engolir casas” em Vilhena

Entulhos são despejados no local pela população, empresas privadas e prefeitura

Como foi noticiado esta semana no FOLHA DO SUL ONLINE a Rua 743, importante via que interliga o centro da cidade aos bairros Bodanese, Marcos Freire, Cristo Rei, Cidade Jardin I e II, Setor 29 e Residencial União, além do setor chacareiro, precisava ser interditada pelo risco que oferecia a quem passava pelo Local. E isso aconteceu na manhã desta sexta-feira, 17, na altura da avenida Curitiba. O motivo é a erosão, que abriu uma cratera, ameaça engolir casas e já invadiu a rua.

Funcionários da Secretaria Municipal de Trânsito (SEMTRAN) fizeram a interdição do trecho a fim de evitar a ocorrência de acidentes. O trabalho foi feito sob o olhar dos vizinhos do buraco, que temem ter suas casas tragadas pela cratera. 

A reportagem perguntou aos funcionários da SEMTRAN se alguma providência para solucionar o problema seria tomada, mas os servidores não souberam informar nada de concreto.

LIXÃO
 Quem passa pelo local tem a impressão de que ali é um lixão. São amontoados de galhos de árvores, sofás, geladeiras, restos de móveis. Os moradores da região afirmam que já foram jogados no local animais mortos e até lixo doméstico. 
Enquanto a reportagem estava no local, flagrou diversos veículos despejando entulhos. Desde veículos particulares, como uma picape que se desfez de galhos de árvores e sofás, caminhões de empresas que recolhem entulhos e também caminhões da prefeitura que despejaram  cargas de galhos de árvores. 

O motorista de uma empresa conversou com a reportagem e disse que tem autorização para despejar ali sua carga, mas não soube precisar qual órgão concedeu a licença.  

Enquanto isso, os moradores continuam reféns da inércia do poder público, vendo milhões pagos em impostos serem arrastados pelas enxurradas, porque todo o investimento feito naquele trecho na obra de macrodrenagem foi levado pelas águas.

   



Fonte: Folha do Sul
Autor: Rogério Perucci


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Terça-Feira, 19 de Setembro de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871