Visitas: 43450539 - Online: 110

Domingo, 23 de Abril de 2017

Ultrasonografia
BIOCAL


<
-->



24/03/2017 10:21:40
      
Grávida diz que médico interrompeu atendimento em Vilhena por falta de medicamentos e luvas

Site vai publicar versão da Secretaria Municipal de Saúde

Um grupo de mulheres grávidas está neste momento, aguardando atendimento no Hospital Regional de Vilhena, mas o médico que deveria consultá-las, segundo disse uma delas ao FOLHA DO SUL ON LINE, por telefone, deixou a unidade alegando falta de condições para trabalhar.

Na conversa com o site, a gestante disse que algumas pacientes chegaram ainda de madrugada ao HR e continuam lá, à espera do atendimento. A própria entrevistada, que procurou a unidade por estar sentindo dores, disse ter sido informada de que o obstetra interrompeu o trabalho alegando que não tem medicamentos, luvas e até gaze.

A mulher, que preferiu não revelar sua identidade temendo retaliações, desabafou: “Fazem a maior propaganda de que chegou um monte de remédio e a gente ta aqui, sofrendo porque não tem nem luvas. Corre risco de a gente precisar ter o bebê em outra cidade”.

O site manterá contato com a Secretaria Municipal de Saúde para tentar obter a posição oficial da instituição sobre o caso.

 


Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Domingo, 23 de Abril de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871