Visitas: 52723246 - Online: 185

Terça-Feira, 19 de Setembro de 2017

Ultrasonografia
LEO



Indústria e Comércio


14/08/2017 08:32:37
      
Cerejeiras: empresários e gestores públicos tentam fomentar suinocultura no município

Plano envolve tecnificar produção e implantar frigorífico

Um grupo de lideranças empresariais e políticas de Cerejeiras está buscando alternativas para fomentar a suinocultura no município. O objetivo do grupo é fazer com que a criação de suínos seja uma referência na cidade. Os voluntários de Cerejeiras lutam em duas frentes básicas: modernizar a suinocultura e implantar um frigorífico suíno no município.

Na abertura do 2º Portal do Agronegócio em Vilhena, na semana passada, os voluntários de Cerejeiras se reuniram com o titular da Secretaria de Estado da Agricultura (SEAGRI), Evandro Padovani, o diretor superintendente do SEBRAE, Valdemar Camata, e o proprietário de um frigorífico suíno de Ji-Paraná. Na reunião, as lideranças de Cerejeiras expuseram o projeto de fomentar a suinocultura no município. Dentre as lideranças cerejeirenses que participaram da reunião estão o empresário e contador Jair Ferro, presidente do Conselho de Desenvolvimento Industrial e Comercial de Cerejeiras (CONDECI),os comerciantes Marcelo Ferreira Freitas e Vanderlei Betoni, presidente e vice, respectivamente, da Associação Empresarial de Cerejeiras (ACIC), o prefeito Airton Gomes (PP) e a vice-prefeita LiseteM arth (PV), além do advogado Mário Mendes Gonçalves.

A pedido do grupo, o superintendente do SEBRAE em Rondônia, Valdemar Camata, prometeu realizar cursos de formação básica em suinocultura ainda este ano em Cerejeiras e, para o ano que vem, organizar uma visita técnica de produtores cerejeirenses a granjas no Sul do Brasil. Na reunião, a SEAGRI também se dispôs a apoiar o projeto de fomentar a suinocultura em Cerejeiras.

Já quinta-feira, 10, o secretário estadual de Agricultura visitou duas granjas de suínos em Cerejeiras. Evandro Padovani esteve acompanhado pela vice-prefeita Lisete Marth, pelo secretário municipal de Agricultura, Nilson Silva, e pelo presidente do CONDECI, Jair Ferro, além de técnicos do IDARON e da Secretaria de Agricultura de Porto Velho.

Na visita às duas granjas, que criam e engordam porcos, Padovani ouviu as demandas dos suinocultores, mas também deu conselhos aos criadores. Segundo o secretário, a suinocultura moderna precisa ser tecnificada, na constante busca por melhorias e eficiência para adquirir competitividade diante da produção de fora de Rondônia. “A produção moderna precisa ter qualidade, produtividade e continuidade”, disse Padovani aos criadores. Atualmente o município conta com 11 granjas, mas possivelmente alguns desses produtores possam ter parado a atividade.

Para o presidente do CONCECI, Jair Ferro, que acompanhou a visita do secretário, o momento é de luta pelo fortalecimento da suinocultura no município. “Estamos otimistas. Sabemos das dificuldades que precisamos enfrentar, mas sentimos uma disposição da maioria dos produtores em modernizar a atividade”, disse ao FOLHA DO SUL ONLINE.

Atualmente, o Estado importa 95 por cento da carne suína consumida pelos rondonienses. Somente 5 por cento são produzidos aqui. O Estado vizinho, Mato Grosso, é um forte produtor e chega a exportar até porcos vivos para os frigoríficos rondonienses. Há informações de que os criadores matogrossenses compram farelo de soja em Vilhena para as granjas.

Fotos: A primeira foto desta reportagem é da reunião em Vilhena e a segunda é da visita do secretário estadual de Agricultura em Cerejeiras.



Fonte: Folha do Sul
Autor: Rildo Costa


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Terça-Feira, 19 de Setembro de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871