Visitas: 57939857 - Online: 128

Quarta-Feira, 13 de Dezembro de 2017

CLARETIANO
JAURU






04/10/2017 09:28:27
      
Jovem que ameaçou pular de caixa d’água em Cerejeiras explica gesto e aconselha: “Não vale a pena”

Rapaz explicou que quase se matou “por amor”

O jovem W. C. R, de 20 anos, que tentou pular da caixa d’água da rodoviária de Cerejeiras, em janeiro deste ano, entrou em contato com o FOLHA DO SUL ONLINE para falar sobre o caso. O rapaz, que mora em Corumbiara, conta a razão da atitude extrema e deixa um conselho para quem, porventura, estiver pensando na possibilidade de tirar a própria vida.

“Eu fiz por amor. Eu amo uma garota demais e ela não queria nada comigo. Por isso subi lá na caixa d’água”, disse o jovem.

Conforme foi publicado pelo FOLHA DO SUL ON LINE na época, o jovem foi salvo pelos soldados do Corpo de Bombeiros de Cerejeiras. Até a Polícia Militar foi chamada. Uma semana depois, em contato com a imprensa, W.  passou a dizer que tinha sido uma brincadeira motivada por bebida alcoólica. Mas agora, em entrevista ao site nesta semana, ele esclarece  que, na verdade, tinha mesmo a intenção de tirar a própria vida naquele dia.

Segundo o jovem, a decisão de se matar pode vir num instante. “Foi um momento. Eu tinha ingerido bebida alcoólica, subi lá e ia pular”, disse.

Para o rapaz, tirar a própria vida, no entanto, seria um ato de tolice. “Eu ia perder a vida e perder a garota do mesmo jeito. Então, não vale a pena”, disse W. C. R.

Sobre a grande paixão, o jovem disse que ainda não conseguiu conquistar a garota, mas segue tentando e, desta vez, sem tomar atitudes impensadas: “Amo ela demais... Eu largo todas as bebidas pra ficar ao lado dela”, finaliza.



Fonte: Folha do Sul
Autor: Rildo Costa


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Quarta-Feira, 13 de Dezembro de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871