Visitas: 56624653 - Online: 121

Domingo, 19 de Novembro de 2017

CLARETIANO
LEO





30/10/2017 12:25:19
      
Leitora denuncia: filho vai perder emprego por causa de atendimento em posto de saúde de Vilhena

Denunciante mandou imagens; atendimento só foi feito após 

Uma leitora do FOLHA DO SUL ON LINE acionou o site, na manhã desta segunda-feira, 30, para denunciar a situação do postinho de saúde do Setor 19, em Vilhena. Segundo ela, mesmo em casos de emergência, os usuários do estabelecimento estão deixando de ser atendidos. A alegação dada pelas atendentes, segundo a autora da denúncia, é que, para serem consultados, os pacientes precisam fazer agendamento, que aberto a partir do dia 1º de cada mês.

No momento em que deu as informações, a denunciante estava acompanhando o filho, um rapaz de 19 anos, que há duas semanas tem o atendimento negado no local. “Como ele estava com muita febre, o levei ao Hospital Regional. Lá, o médico me deu um pito, dizendo que eu deveria ter trazido primeiro ao postinho. Passaram medicamentos, eu comprei, mas a febre não passa. Agora, tô aqui de novo, e eis o resultado: tem uma médica, mas dizem que só consultam se tiver sido feito o agendamento. Estou revoltada”, disparou a mulher.

Aproveitando sua presença no local, a leitora pediu autorização de um senhor com mais de 80 anos para expor também o seu caso. O idoso está com pressão 18x9, tentando trocar a receita para comprar os remédios que usa, mas também não é atendido.

Ao enviar a imagem produzida na unidade, a usuária explicou: “De todas essas pessoas que aparecem na foto, somente meu filho de blusa de frio, o senhor Adão com a receita, as senhoras com crianças no colo e o senhor de camiseta listrada são ‘pacientes’. Os demais são funcionários”.

Minutos antes da publicação da denúncia, a leitora mandou a seguinte mensagem: “Enquanto eu falava com você, em alto e bom som para saberem o que estava acontecendo, levaram meu filho para a triagem e o colocaram de pronto na sala da médica, que estava vazia”.

E arrematou a acusação fazendo um desabafo: “E coloque também por gentileza que por ‘irresponsabilidade’ desses que se dizem profissionais da saúde, meu filho vai perder o emprego dele como frentista num posto de combustíveis. Pois em estando sem condições de trabalho, não tem como justificar, haja visto essa via sacra que temos feito em busca de uma avaliação da saúde dele, para diagnóstico”.

O site se coloca à disposição da assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Saúde para eventuais esclarecimentos.



Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Domingo, 19 de Novembro de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871