Visitas: 56539802 - Online: 257

Sexta-Feira, 17 de Novembro de 2017

CLARETIANO
LEO





02/11/2017 10:42:50
      
A incrível história dos dois amigos que “correram o Brasil” e acabaram sepultados lado a lado em Vilhena

Pais de professora e ex-vereadora haviam migrado do interior de Minas

No cemitério Cristo Rei, em Vilhena, a professora Ana Pereira Bardou leva a reportagem do FOLHA DO SUL ON LINE até o túmulo do pai, que ela está visitando no dia de Finados. Tão simples quanto a campa do agricultor José Pereira de Aquino, foi a vida dele. Mas, uma curiosidade marcou seu sepultamento, em 1999.

Nascido em Montes Claros (MG), sanfoneiro habilidoso, “Juca”, como era conhecido, trouxe a família para Rondônia em 1979. Conseguiu terras (razão de sua migração), na região do Perobal, pequena localidade entre Vilhena e Colorado do Oeste.

Pai de 17 filhos (“apenas” 14 sobreviventes), o mineiro acabou retornando para a cidade, a fim de garantir o estudo na numerosa prole. Vendeu a propriedade e comprou um caminhão.

Segundo Ana, no dia em que José era sepultado, estava no local o ex-vereador Arlindo de Souza Filho, o Nenzão, cujo pai já estava sob a terra do cemitério havia alguns anos. “Mas que coincidência...”, teria dito o político que hoje se dedica apenas aos negócios.

A frase de Nenzão, que herdou do pai também o nome, era uma referência ao fato de o velho Arlindo e Juca terem sido amigos na juventude. Os dois, no entanto, em busca de melhoria de vida, migraram do interior de Minas em épocas diferentes.

Após anos, os velhos companheiros vieram parar em Vilhena. Arlindo, que teve mais de 20 filhos, chegou antes do conterrâneo. O mais inusitado é que, apesar de as famílias serem próximas em Minas, eles morreram sem contato na Cidade Clima. Mas, atualmente, descansam em paz a poucos metros um do outro.




Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação


teste










Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.






2017. Folha do Sul Online
Todos os diretos reservados - GNT Criativa
Sexta-Feira, 17 de Novembro de 2017
Comercial: (69) 3322 3322 - Redação: (69) 3322 4871